slideslideslideslideslide

Fascination D-4 - Modelo do ultraleve é um dos mais rápidos

O modelo de ultraleve pertence a uma categoria já próxima de um avião propriamente dito. O modelo de Vianna, o Fascination D-4, projeto do alemão Wolfgang Dallach, é um dos mais rápidos entre os ultraleves, podendo chegar a uma velocidade máxima de 270 km/h.

Modelo do ultraleve é um dos mais rápidos

RICARDO BONALUME NETO, da Folha de S.Paulo

O ultraleve pilotado por Herbert Vianna pertence a uma categoria já próxima de um avião propriamente dito. O modelo de Vianna, o Fascination D-4, projeto do alemão Wolfgang Dallach, é um dos mais rápidos entre os ultraleves, podendo chegar a uma velocidade máxima de 270 km/h.

Na classificação do Departamento de Aviação Civil (DAC), esse modelo é chamado de "ultraleve avançado" ou de "avião muito leve experimental" -são classificadas assim as aeronaves com capacidade para duas pessoas, peso vazio máximo igual ou inferior a 300 kg e peso máximo de decolagem igual ou inferior a 600 kg. O Fascination D-4 tem peso vazio mínimo de 245 kg (em condições de vôo), e peso máximo na decolagem de 450 kg.

Segundo o DAC, havia no país no ano passado 2.758 ultraleves e 337 "aviões experimentais". Um avião leve como o de Herbert tem desempenho e estrutura capazes de suportar acrobacias aéreas. Mas para fazê-las, o piloto precisa ter o Certificado de Piloto Desportivo de acrobacia aérea.

O avião foi comprado da empresa representante no Brasil, a Ultraleger, de Fortaleza, que faz a montagem do ultraleve fabricado na Alemanha. Há 80 desses aviões voando na Europa; 14 foram vendidos no Brasil, diz Ovídio Monteiro, sócio da Ultraleger.

O preço de um D-4 varia de US$ 40 mil a US$ 70 mil, dependendo do tipo de acessórios, por exemplo trem de pouso retrátil. O de Vianna é do topo da linha. "Os ultraleves evoluíram muito, são feitos de materiais novos. O Fascination é todo em composite, é aerodinamicamente quase perfeito, muito seguro", diz Monteiro.

Nos ultraleves primários (como as asas delta) e nos básicos (de peso vazio máximo igual ou inferior a 230 kg) é obrigatório o uso de capacete. No caso do avião de Herbert, portaria do DAC diz que seu uso é "recomendável".

Fonte: https://www1.folha.uol.com.br/folha/ilustrada/ult90u10179.shtml

  Veja Mais

Introdução à Construção de Aeronaves

Por que construir um avião em vez de apenas comprar um? Construir um avião é uma das experiências mais gratificantes de toda a aviação.

Saiba mais 

Como é feita e qual é a periodicidade de manutenção de um avião?

Troca de óleo, calibragem de pneus, inspeção preventiva e corretiva, balanceamento… Quem utiliza automóvel, por exemplo, está acostumado a essas rotin

Saiba mais 
Exibindo de 1 a 2 resultados (total: 2)
Tecnologia do Google TradutorTradutor